ENTRE A PUTA E A SANTA

Viver entre dois amores não deve ser fácil. Ou deve ser fácil demais, vai saber.

O engraçado é que não conheço ao vivo e a cores uma mulher sequer que viva esse dilema, ou delírio, ou sonho. Só homem. Homem casado que tem amante, homem com duas namoradas, homem com uma namorada e um namorado, homem com duas pseudo namoradas…vidinha besta essa. Ou não?

Se parar pra pensar friamente deve ser a glória. Ter duas pessoas que gostam de você e que são basicamente o oposto uma da outra, fazendo com que seus desejos se tornem completos, duas pessoas juntas se transformam em uma pessoa perfeita, idealizada. Uma santa, outra puta, em termos sexuais, óbvio. Uma burra, outra inteligente. Uma fraca, outra forte. Uma submissa, outra segura de si. Uma pobre, outra rica…É, deve ser a glória.

Não duvido que o cara possa gostar das duas, na maior equivalência inclusive. Duvido é que o triângulo tenha um final feliz porque uma hora a coisa fica estranha, uma hora a amante resolve se vingar, uma hora a namorada decide se casar, uma hora a pseudo namorada decide subir de posto, uma hora o cara vai ouvir: “é agora, diz agora, escolhe agora ou pede pra sair” (adoro Tropa de Elite Osso Duro de Roer Pega Um Pega Geral e Também Vai Pegar Você, pronto, falei)…e aí minha gente, segura porque pode sair morte, assassinato ou suicídio. O amor é uma dor… já dizia o adolescente nerd desprezado.

Agora, se você é uma das partes e propõe direitos iguais ao fulano…sai correndo, mas corre bem porque o cara vai bater forte! A velha e boa pimenta no (*) dos outros!!

Dizendo que as situações supra citadas envolvem o conhecimento da situação por parte de uma das partes lesadas (as mulheres, claro). Já no caso de uma não saber da outra, meu filho você é Rei!!! Empalha o pau porque você é muito foda!!! Pode contar para os amigos e virar lider do bando!!! Preguiça monstro…

Preguiiiiiiça…porque as mulheres envolvidas não merecem, nenhuma das duas (tátátá, algumas merecem), estão apaixonadas e acreditam nas promessas, todas as mulheres são doces até que alguém desperte o demônio que vive dentro delas. Vale gostar de duas? Vale…seja honesto com ambas ué, vai que as duas topam um ménage à trois! Vai que as duas entrem num acordo do tipo “ele é meu de segunda a sexta e seu sábado e domingo”. Ahhhhh falô, fácil, fácil. Vai com fé e muita lábia. Porque mulher que valha a pena pode até se sujeitar no começo, por um tempo, por amor…mas um dia ela se enche e fode com tudo.

Isso, claro, se você não for o Rei do Pau Empalhado! Aí deita e rola nego, que o jogo tá ganho!

 

PsyDica: triângulo amoroso é uma bosta, se você não for o lado maior, claro!

 

Abraço de Urso

4 Respostas to “ENTRE A PUTA E A SANTA”

  1. Muito bom esse texto! Já vvi isso. Eu era o cara de Segunda a Quinta. De repente ganhei alguns sábados e ou domingos. rs Era muito bom! Me sentia o Tal Rei …

  2. Mulher é discreta, existem vááárias que vivem essa situação.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: