DRAMA, DRAMA, DRAMA

 

Dia desses escutei que eu precisava sofrer para estar inspirada a escrever…”quer que eu te ajude?, te faço sofrer”.

Escutei também que o meu ego não me permite aceitar o “eu te amo” em paz, tem que haver um drama, uma vírgula, um porém…tem que haver ciúmes, posse, traição…”se ele for todo e somente seu você vai enjoar, não vai querer mais”…todos os condimentos necessários para aquela sopinha dramática que eu adoro! Mas afinal quem manda no meu ego? Não sou eu? O que é esse tal de ego? Fui pesquisar….

“Muito se fala sobre “Ego”, mas poucas pessoas sabem o significado dessa palavra. O termo faz referência a satisfação pessoal, uma espécie de centro inferior de sua consciência. Uma pessoa com ego elevado, se sente mais feliz e demonstra estar contente com sua vida.
O ego representa um conjunto de idéias, vontades e pensamentos que movem a pessoa e desenvolvem a sua perspectiva diante da sua própria vida. O EGO provoca aceitação e admiração própria, mas é importante que a pessoa tenha o controle desse recurso para não assumir uma postura egoísta e de baixa modéstia perante os outros.
Quando a pessoa não consegue suprir as necessidades do seu ego, passa a encarar a vida como um verdadeiro martírio, a insatisfação passa a interferir no seu comportamento. É da palavra ego que ajuda a formar o defeito “egocêntrico”, característica de uma pessoa egoísta, que só pensa em si mesma.”

 

Ahhh tahhh…captei a mensagem. E me peguei egocêntrica em alguns momentos da minha vida, é verdade. Mas quem não é? ou melhor, quem nunca foi?

Ter o alvo de toda a minha devoção aos meus pés alimentaria meu ego como milho pra pombo…e, sim, eu iria enjoar e provavelmente não iria querer mais saber dele…ou então, depois de 36 primaveras, aprenderia o significado desse tal “eu te amo” e meu ego se calaria, se tornaria menor que a minha unha roxa (pintei de roxo raiva essa semana) e eu viveria em paz para sempre…e não escreveria mais aqui, talvez começasse a escrever livros de receitas vegan, blog sobre fraldas ecológicas…mas sobre o amor que eu gosto, aquele que deixa a gente nua de verdade, aquele que só existe com paixão avassaladora, que faz a gente chorar de saudade, aquele que faz a gente ligar de madrugada, aquele que faz a gente ter orgasmos só de pensar no corpo do outro, sobre esse amor, que eu bem conheço, eu não ia mais escrever…porque eu já disse, não acredito em paz com amor…Gente, estou descrevendo o amor que eu sinto ok? Nada de me jogarem aos leões…

Mas tem um lado do ego que eu não achei em lugar nenhum…e olha que eu procurei! O ciúmes…será o ciúmes o grito de dor do ego ferido? Sentimos ciúmes de que exatamente? O ciúmes faz mesmo parte do emaranhado que é o nosso ego?

Neguinho fala: estou com o ego ferido, ela me deixou…(deixou por alguém = ciúmes)

Ou então sua melhor amiga fala: estou egoless (sem ego), ele me trocou por uma loira cavala…(ui, loira cavala = ciúmes = drama queen)

Uma coisa é clara. Só sentimos ciúmes quando pensamentos carnais tomam a  nossa mente…fato. Você não sente ciúmes se está vendo novela, ou lendo um livro, ou fazendo shopping com as amigas…Você sente ciúme quando não pensa em nada e de repente sua cabeça e todas as minhocas que moram nela são invadidas por imagens surreais do seu bem com outra…pronto, drama, drama, drama…corre que a louca esta surtando!!! Corre negaaaaada!!! É assim…

Tem solução??

Lógico. Sempre. Como não? Mas já vou avisando…é difícil pra caralho…abstrair pensamentos?? Rola, mas leva um tempo pra você conseguir chegar ao limite do sangue frio…mas rola.

Quem é feliz?? A corna mansa ou a que nunca vai saber que foi corna?? Melhor é não ser corna né porra!!

Dedico esse texto a todas as pessoas ciumentas, momentaneamente egocêntricas e perdidamente apaixonadas como eu.

 

Abraço de Urso

2 Respostas to “DRAMA, DRAMA, DRAMA”

  1. Ganhou um leitor de seus devaneios. Muito bom esse texto!

  2. ciumes… indomável… gigante… ja perdi muito com isto!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: